Saiba mais sobre Seguro Residencial

Depois de tanto esforço, é natural que você queira ter o seu bem preservado e protegido em qualquer situação. Quando Ler Mais


Responsive image

Atualizado em 26 de setembro de 2018

Depois de tanto esforço, é natural que você queira ter o seu bem preservado e protegido em qualquer situação. Quando o assunto é sua casa, mais ainda. Porém, ainda são poucas as casas que possuem seguro residencial.

Dados da Federação Nacional de Seguros Gerais (FenSeg), apontem que apenas 15% das casas brasileiras estão seguradas, mesmo com o número subindo ano a ano.

Esse número é justificado pelo que a grande maioria das pessoas imagina ser um seguro residencial: cobertura em caso de incêndios e roubos. Mas não é apenas isso.

O que o seguro residencial oferece?

O seguro residencial é oferecido por diversas empresas, com valores e serviços que variam, mas algumas características entre eles são comuns. Na grande maioria eles cobrem, sim, incêndios e roubos, além de outras situações como falhas na construção, defeitos preexistentes e furtos, onde não há sinais de arrombamento. O ideal é ler com bastante atenção o manual do segurando, para não restar dúvidas sobre do que sua casa está protegida.

Soluções de problemas do dia a dia

Cada vez mais comuns em contratos de seguros residenciais, coberturas a pequenos reparos na residência podem estar inseridos no seu contrato. Entre eles, reparo elétrico, hidráulico e de telhas (em caso de vendavais) e até mesmo danos de responsabilidade civil. Esses últimos são, por exemplo, problemas que você ou sua residência podem causar a terceiros sem propósito, como a queda de um vaso na varanda que danifica o bem de terceiros ou causa lesões.

Quanto custa fazer um seguro residencial?

Mais uma vez, os valores variam de acordo com as seguradoras, o que está sendo segurado e também o preço do imóvel. O seguro é calculado com base no valor do metro quadrado da construção, os bens e a localização. Você também pode escolher por segurar apenas a casa em si, só o que há dentro dela, ou tudo. Vale lembrar que em caso de sinistro, o bem é reparado ou até mesmo substituído.

Vale a pena fazer seguro residencial?

No geral, contratar seguro residencial é uma garantia a mais em que você decide investir em sua residência e na segurança de seus bens. É importante que o contratante pesquise na internet sobre a reputação da seguradora, analisando os prós e contras de cada uma e, principalmente, se aquele valor mensal cabe no orçamento – ou seja, se o custo-benefício é vantajoso. A leitura atenta do contrato (apólice) é essencial e, em caso de dúvidas, a ajuda de um advogado pode sanar possíveis problemas no futuro.

Últimas Notícias

Passos práticos para realizar o sonho da casa própria

Passos práticos para realizar o sonho da casa própria

A vontade de ter uma casa própria é a meta de muitas pessoas e nós da GSP, especialistas em realizar Ler Mais

ver mais
Os benefícios das atividades físicas ao ar livre

Os benefícios das atividades físicas ao ar livre

Todos nós sabemos que a prática de atividades físicas faz bem para saúde física e mental, mas o que poucos Ler Mais

ver mais
Iluminação: o tipo certo para cada ambiente

Iluminação: o tipo certo para cada ambiente

A iluminação faz a diferença em qualquer projeto de decoração, porque a luz de um ambiente influencia diretamente na sensação Ler Mais

ver mais
Acompanhe a GSP

Sabiba tudo que acontece nos empreendimentos GSP